sábado, 14 de julho de 2012

DIA MUNDIAL DA POESIA

A escolha de... Sara Ribeiro


É difícil localizar e dizer o que tenho
mas, ao mesmo tempo, as coisas talvez sejam simples
porque
as minhas ambições são muito simples.
Não estou interessado em vencer na vida.
Queria era
encontrar alguma resposta para as coisas
que sinto,
para as coisas que desejo: uma espécie de ir ao encontro
do que pressinto sem saber o que é.
É claro que o amor
também talvez aqui caiba mas o que eu queria mesmo saber era a
maneira de me ligar à vida.
A minha vida não é aquela que me ensinaram
mas não consigo descobrir outra...

António Alçada Baptista

Sem comentários:

Publicar um comentário